Saiba como funciona o controle de ponto para startups

Leia nosso BLOG

09/06/2022

Saiba como funciona o controle de ponto para startups

Saiba como funciona o controle de ponto para startups

Quando se pensa em tecnologia e inovação no mundo corporativo, impossível não lembrar das startups, não é? Nos últimos anos, esse modelo de negócio ganhou espaço no cenário mundial, com novidades que têm inspirado todos os setores. No entanto, ainda existem dúvidas em relação a esse tipo de empresa, devido aos padrões flexíveis de trabalho. Se você deseja saber mais sobre controle de ponto para startups, continue a leitura e veja as nossas dicas! 

Antes de mais nada, é necessário entender que, embora uma startup seja reconhecida por seu estilo flexível de trabalho, ela deve se adequar às leis trabalhistas assim como qualquer empresa. Ou seja, o ambiente descontraído que muitos almejam trabalhar é sim um fato, no entanto, quando se fala de regras, deve-se estar atento. No mercado brasileiro, é fundamental que a startup se adeque à Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT).

As normas previstas na CLT norteiam as relações de trabalho. Além disso, elas proporcionam ambientes mais justos tanto para o empregado, quanto para o empregador. Dessa forma, é necessário que mesmo as startups estejam atentas a elas, respeitando suas leis conforme seu perfil de negócio. E isso vale, inclusive, para o controle das jornadas de trabalho. 

Conforme o Art. 47 do Decreto Lei n° 5.452/43 da CLT: 

§ 2º Para os estabelecimentos com mais de 20 (vinte) trabalhadores será obrigatória a anotação da hora de entrada e de saída, em registro manual, mecânico ou eletrônico, conforme instruções expedidas pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, permitida a pré-assinalação do período de repouso.

Assim como nas demais empresas, as startups com 20 ou mais funcionários registrados na CLT devem realizar o controle de ponto. Para startups com menos de 20 colaboradores, o controle de ponto é facultativo. Porém, cabe ressaltar que manter em dia o registro de ponto dos trabalhadores colabora nas questões administrativas da empresa. Por isso, mesmo nas situações onde ele não é obrigatório, a empresa pode se beneficiar com suas soluções.

No caso das startups, mesmo que se trate de uma empresa pequena, com poucos funcionários, adotar o controle de ponto na rotina de trabalho pode ser interessante. Isso porque, manter o registro das jornadas auxilia no controle das questões administrativas e burocráticas. Além disso, o profissional responsável pela folha de pagamento também tem seu trabalho otimizado. Então, quando esse serviço é feito, por exemplo, pelo próprio gestor, ele pode se beneficiar das facilidades e dedicar seu tempo a outras funções. 

Por que uma startup deve adotar o controle de ponto?

Como visto acima, o controle de ponto é obrigatório para todas as empresas com 20 funcionários ou mais. Porém, fazer o registro adequado das jornadas de trabalho também contribui para outros aspectos dentro da organização. É claro que estar adequado às leis trabalhistas é o ponto principal desse assunto, no entanto, existem outros benefícios. E isso vale mesmo quando o modelo de trabalho é flexível e inovador, como nas startups. Veja alguns benefícios:

1.Estar adequado à legislação trabalhista

O primeiro fator de importância do controle de ponto é a adequação à legislação trabalhista. É claro que, como vimos, o controle de ponto somente é obrigatório para as organizações com 20 ou mais funcionários. As regras devem ser seguidas, uma vez que o descumprimento pode gerar advertências, multas e até mesmo processos. 

O controle da jornada de trabalho ajuda a verificar tanto se os funcionários estão cumprindo os horários estabelecidos, quanto para controlar horas extras e outros aspectos. A partir dele, é possível evitar que os limites das jornadas de trabalho sejam excedidos. Além disso, as horas extras, atrasos e faltas podem ser armazenados em bancos de horas ou acerto na folha de pagamento. No caso do controle de ponto eletrônico seus registros podem ser utilizados como prova legal em ações trabalhistas.

2.Indicadores sobre a produtividade das equipes

Com o controle de ponto para startups, é possível ter um panorama sobre a produtividade das equipes. Os registros oferecem dados importantes sobre as jornadas de trabalho, permitindo que o gestor acompanhe a frequência de cada funcionário, bem como o cumprimento ou não dos horários estabelecidos nos contratos individuais. Outro detalhe que pode ser observado é acerca dos intervalos, como o horário de almoço, verificando se ele está sendo cumprido corretamente.

Com o registro de ponto dos funcionários, é possível visualizar um padrão de comportamento nas equipes. Ou seja, caso haja colaboradores com excesso de faltas ou atrasos, por exemplo, o gestor consegue identificar possíveis desmotivações ou outros problemas que possam estar interferindo na produtividade do funcionário. Em contrapartida, caso um colaborador faça muitas horas extras, o gestor pode identificar o excesso de trabalho. Em ambas as situações, esses comportamentos podem gerar reflexos na saúde física, mental e até mesmo interferir na produtividade do trabalhador. 

3.Eficiência no RH

Um benefício fundamental do controle de ponto para startups é a facilidade que ele oferece para o serviço do RH. Ou seja, torna-se mais fácil fechar a folha de pagamento, calcular horas extras, abater faltas ou atrasos com os registros oferecidos pelo controle de ponto. Dessa forma, o trabalho do profissional de RH ou do próprio gestor é simplificado, permitindo que ele se dedique a outras questões.

Além disso, com os dados gerados pelo controle de ponto, os cálculos tendem a ser mais assertivos. Isso quer dizer que os erros de cálculo diminuem e, com isso, também se minimizam as chances de processos trabalhistas. Por isso, mesmo em uma startup com poucos funcionários, o controle de ponto pode gerar ótimos resultados. E eles são visíveis em diferentes esferas da empresa. 

Leia também: Vantagens do ponto eletrônico para pequenas empresas

Você sabia que a KL Quartz é referência em controle de ponto? Para saber qual o modelo mais indicado para a sua empresa ou descobrir outros sistemas que podem facilitar a sua rotina, entre em contato agora mesmo. Temos a solução ideal para todo tipo de negócio!

 

 

Confiança atestada pelo mercado

Assistência Técnica Control ID

Assistência Técnica

Unica Assistência Técnica Total com tempo de resposta garantido de no máximo 72 horas.

Top of Mind

Top of Mind

Marca lembrada em pesquisa de mercado e qualidade relacionada ao segmento de relógio ponto.

Suporte Certificado

Suporte Certificado

Revenda Ouro Secullum com excelência no suporte ao Software de Gestão de Ponto e Acesso.

Tradição e qualidade

Tradição e qualidade

Mais de 100 mil relógios de ponto vendidos em 40 anos de história.

whatsapp