eSocial: o que é e quais as vantagens?

Leia nosso BLOG

11/07/2022

eSocial: o que é e quais as vantagens?

eSocial: o que é e quais as vantagens?

Com o objetivo de modernizar a rotina nas empresas, o eSocial foi lançado pelo Governo Federal em 2014. Esse projeto, basicamente, busca digitalizar o envio de informações trabalhistas a partir de um cadastro único na plataforma. Ele faz parte do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped), que simplifica a entrega das obrigações previdenciárias, fiscais e trabalhistas de uma organização.

Com o eSocial, as guias que eram preenchidas e entregues em diferentes canais foram unificadas. Assim, o empregador utiliza um sistema único para manter suas obrigações trabalhistas em dia. O projeto contempla trabalhadores autônomos, cooperados, estagiários, celetistas, estatutários e sem vínculo empregatício. Também para empregados domésticos, é possível encontrar um campo especialmente dedicado à classe. 

No caso do eSocial Empresa, é obrigatório que a organização esteja cadastrada na plataforma para legalizar suas relações empregatícias. Nela, é possível manter em dia obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, realizando desde o pagamento da folha mensalmente, até o recolhimento de tributos como o FGTS e a comunicação de admissões e demissões. Assim, as diversas guias e papeladas que eram necessárias abrem espaço para a digitalização dos dados em um único espaço. 

Módulo Simplificado

Este módulo é disponível para o Empregador Doméstico, o Segurado Especial e o MEI – Microempreendedor Individual. Para acessar, basta informar o CPF ou CNPJ, código de acesso e a senha. Ou, ainda, é possível utilizar o mesmo login do Gov.br.

Módulo Web Geral

No Módulo Web Geral, as Empresas e o Empregador Pessoa Física podem acessar o eSocial por meio do login do Gov.br, realizando um cadastro prévio e atribuição do respectivo selo de confiabilidade no Portal Gov.br, com exigência do Certificado Digital. Esse cadastro é feito uma única vez e a empresa que é optante do Simples, com até um empregado, ou MEI, pode acessar o eSocial com seu CNPJ, código de acesso e senha.

Quais obrigações devem ser feitas na plataforma do eSocial?

  • CAGED: Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (admissões e demissões na CLT)
  • CAT: Comunicação de Acidente de Trabalho
  • CD: Comunicação de Dispensa
  • CTPS: Carteira de Trabalho e Previdência Social
  • DCTF: Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • DIRF: Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte
  • Folha de pagamento
  • GFIP: Guia de Recolhimento do FGTS e de Informações à Previdência Social
  • GPS: Guia da Previdência Social
  • GRF: Guia de Recolhimento do FGTS
  • LRE: Livro de Registro de Empregados
  • MANAD: Manual Normativo de Arquivos Digitais
  • PPP: Perfil Profissiográfico Previdenciário
  • PPRA: Programa de Prevenção de Riscos Ambientais
  • QHT: Quadro de Horário de Trabalho
  • RAIS: Relação Anual de Informações Sociais

Quais as vantagens do eSocial para a empresa?

Como visto acima, o eSocial tem o objetivo de simplificar, modernizar, unificar e digitalizar o envio de informações trabalhistas, fiscais e previdenciárias de uma empresa. Dessa forma, as atividades são otimizadas e a rotina se torna mais prática ao reunir em uma única plataforma todas as soluções para as obrigações corporativas. Também deve-se ressaltar que todas as informações contidas no e-Social são protegidas por sigilo, sem que haja riscos aos dados dos trabalhadores.

Além de gerar as guias de recolhimento do FGTS e acertar outros tributos, o eSocial permite trabalhar com um sistema único para manter em dia todas as informações necessárias. Isso torna o dia a dia dos empregadores mais prático, inclusive, evita erros de cálculos ou mesmo o esquecimento de determinados itens. No caso dos profissionais de RH, ao automatizar essas tarefas, torna-se viável dedicar mais tempo a outras questões importantes.

Como utilizar o eSocial?

Em geral, o objetivo dessa plataforma é entregar informações mais assertivas e com maior grau de qualidade aos órgãos fiscalizadores. Ou seja, por meio do eSocial, a organização consegue enviar ao governo suas declarações, além de gerar resumos para o recolhimento de todos os tributos relacionados aos trabalhadores que estão registrados.

Para utilizar o sistema, basta incluir informações como os dados trabalhistas, as informações tributárias e as folhas de pagamento de seus colaboradores. Ainda, tanto para os empregados com vínculo empregatício ou sem, o sistema realiza a identificação de cada um por meio do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou do Número de Inscrição Social (NIS). 

O responsável pelo RH deve registrar na plataforma os colaboradores, especificando os cargos de cada um, bem como as funções exercidas na empresa e seus horários de trabalho. Assim, as informações relevantes ficam contidas no sistema e todos os acontecimentos diários, tais como faltas, atestados, férias e demissão podem ser incluídas sempre que houver necessidade.  

Leia também: 4 dicas para se adequar a LGPD e não ser punido

Gostou desse conteúdo e deseja ficar por dentro de mais informações sobre o universo corporativo? Então acompanhe o blog da KL Quartz e não perca nenhuma informação!

 

 

Confiança atestada pelo mercado

Assistência Técnica Control ID

Assistência Técnica

Unica Assistência Técnica Total com tempo de resposta garantido de no máximo 72 horas.

Top of Mind

Top of Mind

Marca lembrada em pesquisa de mercado e qualidade relacionada ao segmento de relógio ponto.

Suporte Certificado

Suporte Certificado

Revenda Ouro Secullum com excelência no suporte ao Software de Gestão de Ponto e Acesso.

Tradição e qualidade

Tradição e qualidade

Mais de 100 mil relógios de ponto vendidos em 40 anos de história.

whatsapp